Limpeza da azeitona

Olival da ESACB

Colheita da azeitona

Colheita da azeitona



Colheita mecânica da azeitona

Colheita mecânica da azeitona

Colheita mecânica da azeitona

Colheita mecânica da azeitona

Garrafas de azeite

Sector de olivicultura

O sector de olivicultura tem uma área aproximada de 51,6 hectares, em que 1,6 ha é de olival intensivo implantado em 1989, com seis cultivares (Azeiteira, Manzanilha de Almendralejo, Conserva de Elvas, Picual, Cobrançosa e Cordovil de Serpa), o compasso é de 7 x 7 metros, com uma densidade de 204 plantas/ha. O restante olival (cerca de 50 ha), é considerado de tradicional com três cultivares principais (Cordovil de Castelo Branco, Bical e Galega), com um compasso variável de 10 x 10 e 12 x 12 metros, conforme a idade das árvores que têm aproximadamente uma média de 80 a 90 anos, o que dá uma densidade de 70 a 100 plantas/ha.
O olival encontra-se em protecção integrada e como tal continua-se a respeitar o mais possível a fauna auxiliar, em que em relação às doenças se faz uma protecção preventiva de acordo com as condições climatéricas ou seja efectuam-se tratamentos com fungicidas se as condições forem favoráveis às doenças, em relação às pragas efectuam-se tratamentos fitossanitários quando o nível económico de ataque (observação de folhas e frutos), começa a ser prejudicial à cultura.
Em relação ao solo, o olival intensivo encontra-se num sistema de não mobilização, em que se aplica herbicida na linha das árvores e na entrelinha efectua-se o destroçamento de ervas e restos de madeira proveniente da poda. Mesmo nas estrumações e adubações não se faz a incorporação de estrume e adubos, mas deixa-se à superfície do solo, enquanto o olival tradicional encontra-se num sistema de não mobilização e serve de pastagem aos ovinos e cavalos existentes na escola.
A produção obtida é laborada num lagar da região (Monforte da Beira), de linha contínua de três fases e todo o azeite é comercializado na ESACB e todas as unidades orgânicas do IPCB que se encontram na cidade de Castelo Branco, com a marca “ Quinta Sr.ª Mércules”.